Extrema Direita na Europa [26-03-2012]

Entrevista no programa Mais Europa, da RTP-Informação, de 26 de Março de 2012, sobre o crescimento eleitoral dos partidos de extrema-direita na Europa.

2 comentários:

  1. Teresa de Sousa - "Na semana passada o Parlamento Europeu resolveu tomar posição contra um site do Partido da Liberdade Holandês liderado por Geert Wilders destinado à sua propaganda contra a imigração na Holanda. Na sua condenação os Eurodeputados apelavam ao governo de Haia a rejeitar esta iniciativa de um partido do qual depende no parlamento holandês, a resposta que obteve até agora não foi animadora, o governo de Centro-direita de Mark Rutte argumenta que se trata de um site de um Partido e não do Governo, e que como tal não não é da sua conta. Este episódio é revelador do peso que ganham, na paisagem política Europeia, os paridos de direita-radical, xenófoba e nacionalista, e a sua crescente influencia nos governos de alguns estados membros. O tema é da maior actualidade e vale a pena discuti-lo sem demagogias. E para isso (...)

    Demagogia é a estratégia de obter poder político apelando aos preconceitos, emoções, medos, vaidades e expectativas do público, tipicamente por meio de retórica e propaganda passionais(...) Em termos etimológicos provém do Grego, querendo dizer "a arte de conduzir o povo". - fonte:Wikipédia

    Então o maioria do parlamento Europeu, passa julgamentos, a linhas programáticas de Partidos. A resposta não é "animadora" do ponto de vista da notável jornalista, e obviamente de todas as pessoas de bem. Ainda bem que se pode discutir este tema sem "demagogia" em Portugal.

    ResponderEliminar
  2. Na Europa existem muitos muitos muitos 'globalization-lovers' .
    O problema não é os 'globalization-lovers' gostarem de o ser... mas sim... o comportamento nazi de alguns deles: busca de pretextos... para negar o Direito à Sobrevivência de outros!...

    -> Muito muito mais importante do que a crise... é o DIREITO À SOBREVIVÊNCIA!!!
    -> A sobrevivência é uma coisa difícil e complicada: 'n' civilizações já desapareceram.
    Resumindo e concluindo: Não vamos ser uns 'parvinhos-à-Sérvia'....... antes que seja tarde demais, há que mobilizar aquela minoria de europeus que possui disponibilidade emocional para se envolver num projecto de luta pela sobrevivência... e SEPARATISMO!...

    ANEXO:
    -> Nazis na desmultiplicação: o que caracteriza o Nazismo não é o ser 'alto e louro'... mas sim a busca de pretextos (adoram evocar/inventar pretextos) com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros!...
    -> Manobrados pela superclasse, andam por aí muitos nazis na desmultiplicação: quer na forma falada quer na forma escrita, eles desmultiplicam-se na busca de pretextos... com o objectivo de negar o Direito à Sobrevivência de outros... nomeadamente, as Identidades Étnicas Autóctones.
    --->>> Já ninguém dúvida que os capitalistas selvagens são uns nazis muito activos:
    - promoveram a exploração de escravos... para benefício do desenvolvimento económico...
    - promoveram holocaustos massivos sobre povos economicamente pouco rentáveis (ex: alguns povos nativos da América)... para benefício do desenvolvimento económico...
    - hoje em dia já andam por aí a ameaçar países que tenham políticas proteccionistas... pois isso é considerado um entrave ao desenvolvimento económico global...

    ResponderEliminar